quarta-feira, 7 de outubro de 2009

Taipé

Formosa. Ela ia segura e bem formosa. Ele elegantíssimo. Ming começou o dia noiva, passou-o casada e adormeceu viúva. Wu sabia que não devia nem podia beber demais: "Será que o fez por não gostar o suficiente de mim?" As dúvidas de Ming eram fundadas. Legítimas. Muito mais do que o mórbido voyeurismo catódico que nessa semana negra varreu Taiwan. Formosa, aliás.

1 comentário:

sónia disse...

E eu a pensar que Ming tinha morrido no acidente!!!! Afinal está viva embrulhada com os seus conterrâneos. Agora fiquei tosca, mas não de Puccini :)

Moleiro

Tinha aveia para o negócio.