segunda-feira, 16 de novembro de 2009

Má onda

Maria era uma onda do mar. Ia e vinha. Que podia fazer? Obedecia à maré. Maria era uma onda do mar. Ia e vinha. Houve um dia, não obstante, que uma das ondas faltou. Era Maria que não vinha. Má onda? Fartou-se da sua própria espuma e recusa-se a engolir mais areia.

Sem comentários:

Moleiro

Tinha aveia para o negócio.