segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Introdução ao verbo "Acabar"

Naquela noite, Agnes estava particularmente exuberante. A sua libido, e sobretudo os peitos rechonchudos, transbordavam na pista do Bonnie & Clyde. Ela pulava, e eles saltitavam, lindos, firmes e muito lambíveis. Priit aproximou-se sorrateiramente, como seria de esperar de um verdadeiro, genuíno, Homo Balticus. Agnes hesitou primeiro, só confessaria à terceira ou quarta caipirinha: tinha acabado com o namorado naquela noite. Priit ainda sorriu fininho, sentiu-se empolgadinho com a revelação, até se consciencializar de que seria o próximo. Terminou (acabou) de bruços.

Sem comentários:

Moleiro

Tinha aveia para o negócio.