segunda-feira, 21 de dezembro de 2009

Polaridade

Tanto podia viver a norte como a sul. Mas que não o obrigassem a decidir: era um urso bipolar.

7 comentários:

Tve disse...

Polaarsus

Ta võis elada nii põhjas kui lõunas. Mitte miski ei sundinud teda valima: tegu oli ju bipolaarse karuga.

(to regale your fortunate Estonian-speaking visitors and passerbies).

Tve disse...

And here´s an occasion to encourage everybody to learn Estonian! Once again the "non-indoeuropeanism" of the language hits me below the waist: the translation as it is above is to delete, as "bolar bear" is "ice bear" (well, "jääkaru") in Estonian :)

I retreat, head low.

Manu disse...

Que susto. Achei que o pobre urso era um transtornado.

Rocío disse...

Por acaso acho o ursinho um tudo-nada parecido contigo (Tallinn-Lisboa-Tallinn-Lisboa...) :-)

sónia disse...

Bipolar, mas previdente, usava galochas :)

Sophia disse...

No Norte ainda compreendo o polar duplo, mas no Sul julgo que basta um...

Quem não fôr bipolar que atire a primeira bola...

ob disse...

Desde o final de 2009, o nosso urso ultrapassou a simples condição de residente indeciso de extremidades opostas do norte e do sul e passou a fazer escalas também de leste a oeste, usurpando a posição de grande viajador do próprio criador.

Moleiro

Tinha aveia para o negócio.