quarta-feira, 24 de fevereiro de 2010

Crime perfeito

Queimo, poço e mando-me.

2 comentários:

Diola disse...

Poças,parece o crime do padre amaro

Manu disse...

Se eu tiver juízo não escrevo mais nada..;-))

Moleiro

Tinha aveia para o negócio.