Avançar para o conteúdo principal

As três fracturas estónias



Vá lá, apesar da tradução (portuguesa) da tradução (francesa) da tradução (estónia) do inglês original, o texto existe e é legível. Sai este mês no Courrier International. Às vezes fico espantado com a força de certas ideias. Sobrepõem-se à aparente incomunicabilidade.

Comentários

Manuela disse…
Quando li a palavra fraCtura me senti fraturada do português de Portugal.É um fato, ops, é um facto!
No Brasil os salários são bem diferentes para os dois sexos, mesmo com a mesma função.
Os povos aqui se dão bem.Todos. E ainda se misturam.Judeus e árabes convivem muito bem, só como exemplo.
A Estônia e o mundo, ainda vão aprender que só existe uma raça. A Raça Humana. O resto são invenções que não servem para nada.
Manuela disse…
Esqueci de dizer...vc está todo prosa, né não??
Ainda vou à entrega do Prémio Nobel a você...ah, se vou..;-)

Texto bonito e sensível.

Mensagens populares deste blogue

19 kinds of girls who bruise my soul

By João Lopes Marques (Eesti keeles)


There was a time, not too long ago, I believed I had become a misogynous guy. False. I wasn’t. Then I started fearing I was slightly gynophobic. Nope. I was just afraid to bump into another stupid girl. It wasn’t easy to understand it but 10 or 15 years later I realize I’m just too sensitive to 19 specific species of women. Indeed, I can even turn intolerant in presence of one of them. Such a phenomenon can be either personal taste or old trauma, I know. However, I don’t care anymore. I just confess the following kind of females have the power to bruise my soul:


1- The hologram girl

You think everything is fine, that that closeness is real, and you stretch your arm. Of course you wanted more and she let you play that game. For a week. A month. Sometimes even for years. Helàs! Now you understand you were living in a dream. “Why did she give me so many wrong signs”, you wonder; “João, I’ve seen you always as a very good friend”, she states.


2- The drink-…