segunda-feira, 2 de novembro de 2009

Subcave

Deprimiu-se no dia em que se viu a dormir numa subcave. Abaixo do solo, ainda que ligeiramente, é que não. Não mesmo. Assim que pôde, cavou dali para fora. Ou melhor: subcavou.

2 comentários:

sónia disse...

Mas devia ter sobrecavado e não subcavado! Que claustrofobia! Que depressão! Que aflição tanta escavação!

Obdulio Ortega disse...

Convém cavar-se profundamente até encontrar-se exposto à luz do sol!

Moleiro

Tinha aveia para o negócio.