Avançar para o conteúdo principal

A arte de çedilhar o çê

Começe por eleger uma esferográfica com ponta fina, façilitará a tarefa seguinte: aponte o bico para o terço inferior da curva desferida pela letra e conçentre-se. Ensaie mentalmente o ligeiro desvio à esquerda, inverso à boca do çê. Caso sinta dificuldades, imagine uma vírgula a três quintos. Coloque finalmente a esferográfica no papel e, ao senti-lo bem amparado sobre uma superfíçie não rugosa, seja firme. O rabisco, ou perninha, não deverá ocupar-lhe mais de uma ou duas fracções de segundo, sob risco de grave abastardamento caligráfico. Se for esquerdino, vulgo "canhoto", preste atenção redobrada ao avanço pela frase.

Comentários

Anónimo disse…
Çerá açim tão fáçil?
Manu disse…
Voçê acha que o çirco viçioso não é sufiçientemente çinico?
Que çilada....
Manuela disse…
Agora mesmo aparecem os "nazistas da língua" pra reclamar o nome do blogue..kkkkkk
Laboriosa filigrana a sua,Jonas. Da triangulação, Anónimo-Manu-Manuela, passo à quadratura.É,que, filigranas à parte, o que realmente me ocorre é
o bigodinho do Adolf, após ser aparado na sua barbearia preferida de Berchtesgaden.
Manu disse…
AustraPithecus Manu/Manuela é uma alma unificada lusitana:))
Manu disse…
João,
Pithecus vem da família de pitacos??eu gosto....
ob disse…
Um dia, a arte de cedilhar o cê, fará parte dos anais que registrarão os ofícios já não executados pela mão do homem, que precisará somente de um dedo para matar ou morrer... O que? Já, agora, é assim?!
Rocío disse…
Çanhotos a çedilhar o ç :-)
Anónimo disse…
Çedilho,çedilhado,çedilhamos.O que çeria de nós çe não çoubeçemos çedilhar.
É iço mesmo, prezado anónimo.
Manu disse…
çedinho..çedinho já çedilhamos no çirco.Que viçio..;-))
Rocío disse…
Tanta chuliçe!! (ou será chulisse?)

:-P

Mensagens populares deste blogue

19 kinds of girls who bruise my soul

By João Lopes Marques (Eesti keeles)


There was a time, not too long ago, I believed I had become a misogynous guy. False. I wasn’t. Then I started fearing I was slightly gynophobic. Nope. I was just afraid to bump into another stupid girl. It wasn’t easy to understand it but 10 or 15 years later I realize I’m just too sensitive to 19 specific species of women. Indeed, I can even turn intolerant in presence of one of them. Such a phenomenon can be either personal taste or old trauma, I know. However, I don’t care anymore. I just confess the following kind of females have the power to bruise my soul:


1- The hologram girl

You think everything is fine, that that closeness is real, and you stretch your arm. Of course you wanted more and she let you play that game. For a week. A month. Sometimes even for years. Helàs! Now you understand you were living in a dream. “Why did she give me so many wrong signs”, you wonder; “João, I’ve seen you always as a very good friend”, she states.


2- The drink-…