segunda-feira, 19 de julho de 2010

Dúvida incontinente

Papua Nova-Guiné ou papou-a nova na Guiné?

17 comentários:

Manu disse...

Acho que a Papua Nova-Guiné é que vai ser papada pelos terremotos.Triste.

Anónimo disse...

Já a papava...apenas não o sabia...e das papas guineenses rejuvenesceu-se perdendo-se...

Manuela disse...

Cuidado pra não confundir papas com lava...

Anónimo disse...

Um barato: só teve de lhe pagar 30 guinéus.

Manu disse...

O barato saiu indigesto.Papua uma múmia. Kinas era mais condizente.

Anónimo disse...

e-rata: papou-a vulcanicamente

Manuela disse...

tão vulcanicamente que virou...puf..cinza.

Anónimo disse...

...cinza que é vulcânica renasce como a Fénix e o tempo, ai, o tempo, esse grande escultor, é implacável...já as cinzas da lareira têm outro fim...puff!

Manu disse...

Claro.
Esperemos o tempo, tempo.Água mole em pedra dura...pode virar escultura!

Anónimo disse...

...pedra dura que necessita de água mole nunca será escultura...há coisas que ou são ou jamais serão...que fazer senão a resignação de viver na sombra de um vulcão?...

Manu disse...

....nunca tenha certezas.As formas estão em quem as vê.Quem as sente.

Anónimo disse...

...as formas são efémeras, as essências são eternas...as formas consomem-se, as essências consomem-nos...e quando se juntam forma e essência?...difícil...

Anónimo disse...

...a certeza da incerteza consome...

Manu disse...

...nada é efêmero quando é sincero.Pra que sofrer pela incerteza ?

Anónimo disse...

...a sinceridade não é formal é essencial,se o fosse não o era...

Anónimo disse...

..era...se fosse.

Sofia disse...

Monólogo!?...

Moleiro

Tinha aveia para o negócio.